Pages

Estudo com base em João 1.15 a 1.19

João 1.15 a 1.19

Atrelados à este texto, leremos Col 1.18-18 e Fl 2.6-8

Pontos a serem comentados:

vs.15: João reforça o que disse até então, citando o testemunho de João Batista, que foi segundo a Bíblia o último e maior dos profetas(Lc 7.28). Este mesmo foi quem testificou antes do Apóstolo João, que Jesus é criador e não criatura.

vs.16,17: "Todos nós recebemos da sua plenitude". "Nós" refere-se àqueles que o receberam (a Jesus), tornando-se assim filhos de Deus por direito outorgado pelo próprio Deus.Fomos adotados por Deus quando recebemos o Espírito Santo (Rm 8.15; 9.4; Gl 4.5) e esta adoção resulta no recebimento de bênçãos espirituais (Ef 1.3-5). Esta escolha, adoção, e recebimento das bênçãos de Deus é um favor imerecido, que a Bíblia chama de "Graça", neste texto, "graça sobre graça". Plenitude significa "completar, encher ao máximo", e recebe um sentido mais claro com a declaração do verso 17, que não menospreza o valor que teve a lei, mas explica que Jesus traz a revelação final, ele completa, cumpre (Mt 5.17) o que antes era imperfeito e provisório conforme Hebreus capítulos 3-10.

vs. 18: Este verso é usado por alguns desatentos como argumento para dizer que Jesus não é Deus, pois foi visto, e Deus não. A própria Bíblia diz que Deus foi visto no AT (Ex 24.10; Is 6.1). O que este texto diz é entendido claramente: Deus nunca foi visto espiritualmente em sua completa glória, conforme Ex 33.20; 1 Tm 6.16.

Em Cl 1.15 lemos que Jesus é "a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação". Aqui temos dois pontos importantes. O homem foi feito à imagem e semelhança de Deus, mas Jeus não é a imagem de Deus no mesmo sentido. "Imagem" neste texto significa "protótipo", um exemplo da aplicação desta palavra é a imagem refletida do sol na água. Não é algo parecido, semelhante, mas aquilo que é igual e reflete.

Um ponto usado também por seitas heréticas, é dizer que "primogênito de toda a criação" que dizer que Jesus seja criatura de Deus. Primogênito, conforme o próprio contexto, quer dizer que Jesus é a causa e objetivo da criação. Alé disto vemos que na linguagem bíblica, primogênito não significa "primeiro criado" como supõe alguns,veja os textos: Ex 4.22; Sl 89.27; Jr 31.9 e Hb 12.23. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O seu comentário é muito importante, fique a vontade mas sempre que possível, deixe assinado o seu nome.